No século passado, tínhamos a preocupação de que os combustíveis fósseis acabassem antes de encontrar uma nova forma de energia renovável. No século atual, a principal preocupação é o impacto ambiental associado às mudanças climáticas, como a escassez de água.

Quase uma em cada dez pessoas no planeta – quase 800 milhões – não tem acesso a fontes de água potável. O aumento demográfico e as consequências das mudanças climáticas são uma bomba-relógio. Isso vai gerar mais e mais conflitos em torno do uso e gestão da água.

O Fórum Econômico Mundial e outras instituições estimam que até 2030 a demanda será 40% maior. Infelizmente, o planeta não será capaz de fornecê-la. Isso afetará a agricultura, aumentando assim o preço dos alimentos.

estresse-hídrico-países-do-mundo

Problemas como esse levam a problemas maiores, como a escassez global de água. Os compromissos acordados nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU (ODS) (2015-2030) dão grande importância aos problemas de água. Além disso, a atual pandemia de COVID-19 (2020) demonstra a importância da água para prevenir a infecção.

Em 2030 haverá uma demanda de água 40% maior e o planeta não será capaz de abastecê-la

QatiumAssistente Inteligente

De onde vem esse problema?

Aproximadamente apenas 1% da água da superfície da Terra é adequada para consumo. Embora essa quantidade pareça pequena, é suficiente para toda a população mundial.

No entanto, a realidade mostra que os recursos hídricos não se distribuem igualmente pelo planeta. Sem falar que existem alguns comportamentos humanos que tendem a complicar e ampliar esse problema, tais como:

  • Habitar regiões sem recursos hídricos. Isso ocorre porque existem outros recursos que são mais importantes para nós.
  • Poluição de algumas das regiões com maiores recursos hídricos.
  • Superpovoamos regiões com sustentabilidade hídrica até atingirmos e ultrapassar os limites dos recursos hídricos.
escassez-de-água-rio-contaminado

Rios contaminados

Algumas soluções

Existem várias medidas para prevenir a escassez de água em todo o mundo. Aqui está uma lista de apenas alguns exemplos:

  1. Consciência social: devemos entender que a água que sai da torneira, como num passe de mágica, é finita. A água é um direito, mas o uso responsável da água também é uma responsabilidade.
  2. Investir na manutenção e renovação da infraestrutura hídrica das administrações públicas. A maioria das cidades tem vazamentos de água em mais de 20% de sua rede. Esse percentual aumenta para mais de 50% da perda de água em outras cidades.
  3. Uso mais eficiente de água dessalinizada. No entanto, devemos ter em mente que a água dessalinizada requer um consumo significativo de energia e tem um impacto ambiental.
  4. Explore o uso de água reciclada de água purificada. Ela tem grande potencial para a agricultura e indústria, e também está aumentando para uso urbano e doméstico.

Para resumir, precisamos de uma mentalidade global. O problema da escassez de combustíveis fósseis pode ser resolvido no futuro, mas já teremos esgotado nossas fontes de água até lá? Será tarde demais?